top of page
Buscar

Ações intensificam combate ao Aedes Aegypti em Pouso Alegre

O crescimento dos casos de Dengue, Chikingunya e Zika, doenças transmitidas pelo mosquito Aedes Aegypti, preocupa autoridades. Nos primeiros três meses do ano foram registrados mais de 210 mil casos prováveis de Dengue, quantidade quase 44% maior, que a do mesmo período do ano passado.

Em relação à Chikungunya, o aumento foi de 97%, com 43 mil casos prováveis da doença. Já os registros de Zika avançaram pouco mais de 32% na comparação anual, com mil 194 casos prováveis.

Em Pouso Alegre, para conter o avanço dessas doenças ações ganham reforço. Confira com Carla Ramos.



تعليقات


bottom of page